15/07/2021 às 19h39min - Atualizada em 15/07/2021 às 19h39min

Morre vítima de câncer ‘eterno comandante geral’ da PM, filho ilustre de Parapuã, Coronel Elizeu Eclair

Policial de 66 anos faleceu nesta quinta-feira, as 13h, no Hospital Cruz Azul, onde estava internado na luta contra um câncer

Policia Militar do Estado de São Paulo
Imagem de Arquivo
 
Morreu nesta quinta-feira, 15/07, no Hospital Cruz Azul, em São Paulo, o ex-comandante da Policia Militar do Estado de São Paulo, Coronel PM Elizeu Eclair Teixeira Borges, de 67 anos de idade.
 
Amante e praticante das corridas, o Cel. PM Eclair ingressou na Academia de Polícia Militar do Barro Branco em 21/05/73 no 1º ano do Curso de Formação de Oficiais, e exerceu, entre outros cargos de liderança, o comando geral da Polícia Militar, por dois anos, entre o final de 2004 e início de 2007.
 
O Cel. PM Eclair lutava contra um câncer.
 
EIS A NOTA DA PM
 
A Polícia Militar lamenta profundamente a morte do nosso eterno Comandante Geral, Coronel PM Elizeu Eclair Teixeira Borges, que comandou a Instituição no período de 28/12/04 à 01/01/07.
 
Filho do senhor Manoel Teixeira Borges e senhora Maria Maldonado, o Coronel PM Eclair era casado com Maria José Gomes Ribeiro Teixeira Borges e pai das jovens Vanessa, Priscilla e Danielle.
 
Com boa parte da carreira em Bauru, o Cel PM Eclair deixou valioso legado para a Instituição, à qual tinha verdadeira paixão. Em sua gestão, a Polícia Militar foi modernizada com normas e doutrinas que seguem até os dias atuais.
 
Em seu comando foram implementados os programas de policiamento, normas de fixação de efetivo nas cidades com critérios técnicos e, também, a gestão da Instituição baseada em matrizes organizacionais.
 
Em 2006, teve o maior desafio durante seu comando: o enfrentamento aos ataques às forças de segurança pelo crime organizado. Nessa época, honrou vários policiais militares que tombaram em combate bem como manteve o moral das tropas sempre altivo para sobrepujar a criminalidade.
 
Amante das corridas, era comum ver o Cel PM Eclair no Parque da Luz praticando o esporte pela manhã, antes de iniciar o expediente.
 
Nascido em 04/10/54 na cidade de Parapuã/SP, o jovem Elizeu Eclair ingressou na Academia de Polícia Militar do Barro Branco em 21/05/73 no 1º ano do Curso de Formação de Oficiais, sendo declarado Aspirante à Oficial em 26/07/75, sendo destacado para servir no policiamento na região central da Capital, no 13º BPM/M.
 
Como oficial, ele serviu, entre outras unidades, no Corpo de Bombeiros, Comando de Policiamento de Trânsito, Comando de Policiamento de Área-10 (zona sul), Comando de Policiamento do Interior-4 (Bauru) e Casa Militar.
 
Após sua passagem para a reserva, o Cel PM Eclair atuou na gestão ambiental das Cotas da Serra do Mar, pelo Governo Estadual e também foi Presidente da EMDURB - Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano e Rural de Bauru.
 
O nosso eterno Comandante Geral estava internado no Hospital Cruz Azul, onde lutava contra um câncer e faleceu hoje (15/07) às 13 horas.
 
Os ritos fúnebres serão restritos à família e amigos mais próximos e ainda não foram definidos.
 
Descanse em paz, Eterno Comandante!
 
São Paulo, 15 de julho de 2021
 
Polícia Militar, a Força Pública de São Paulo!

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você acredita na lisura e integridade da urna eletrônica, e da Justiça Eleitoral (responsável pela manipulação da urna eletrônica)?

20.0%
14.3%
65.7%