20/07/2021 às 11h12min - Atualizada em 20/07/2021 às 11h12min

Capitão Neves se destaca como gestor de projetos do 37º BIL em Lins

Preterido pela gestão Caio e Renan, suplente de vereador pelo PSD, com 456 votos, militar da reserva, fala dos primeiros três meses da nova missão

Nilton Mendonça
Redação Cidade Real
Capitão Neves (de azul) com a equipe do Projeto 'Eficiência Energética' (Imagem do Arquivo Pessoal)
 
O suplente de vereador pelo PSD de Tupã, Gilberto Neves Cruz, o Capitão Neves, militar da reserva do Exército Brasileiro, fez, nesta segunda-feira, 19/07, o balanço de suas atividades como gestor de projetos do 37º Batalhão de Infantaria Leve (BIL), em Lins.
 
Há sete (07) meses, em dezembro de 2020, ele foi convidado pelo comandante da unidade, Tenente Coronel de Infantaria, Fábio Rodrigo de Assis, para ocupar o cargo de Prestador de Tarefa por Tempo Certo (PTTC), função destinada a militares da reserva ou reformados, e atualmente responde também pela pela gestão de projetos e a função gestor do Hotel de Trânsito.
 
“Fui convidado em dezembro de 2020 e como não havia espaço ou não nos queriam na Administração municipal de Tupã, aceitei o convite do comandante TC De Assis, do 37º Batalhão de Infantaria Leve, da cidade de Lins e estamos desde abril de 2021, ocupando o cargo de Prestador de Tarefa por Tempo Certo - PTTC, em contrato assinado por dois (02) anos”, explicou Neves.
 
ENERGIA
 
Entre os projetos em andamento nestes primeiros meses de atuação, Capitão Neves destaca o ‘Eficiência Energética’, em fase de elaboração em parceria com a empresa Dinâmica de São Carlos.
 
O projeto, uma iniciativa da Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), poderá representar expressiva economia na conta da energia elétrica da unidade militar.
 
“No dia 5 de novembro acontecerá a divulgação do resultado do chamamento público feito   pela CPFL para o financiamento de um parque energético solar (fotovoltaico) que, sendo contemplado, poderá representar uma economia de até 90% na energia usada pelo batalhão”, explicou Neves.
 
GUARANI
 
Outro destaque em andamento na unidade, conforme Capitão Neves é a implantação do ‘Projeto Guarani’.
 
A partir das diretrizes da Política Nacional de Defesa (PND) e da Estratégia Nacional de Defesa (END), o Exército Brasileiro está levando gradativamente as suas unidades – em todo território nacional – projetos de modernização e transformação, que envolvem diversos aspectos da Defesa, tanto em material, quanto em pessoal e de mentalidade e estratégia.
 
O Guarani, especificamente, está relacionado à agilidade e qualidade de mobilização de tropas e equipamentos e está sendo expandido pelo Exército Brasileiro para a mecanização da Infantaria e a substituição dos antigos 'carros' Cascavel e Urutu, orgânicos das Unidades de Cavalaria, pelo novo blindado Guarani.
 
CAPACITAÇÃO E APOIO
 
Capitão Neves também informou que na movimentada agenda ainda esteve recentemente, na condição de gestor do Hotel de Trânsito do 37º BIL, participando de uma capacitação para a função na unidade Forte Cambuci.
 
Outro importante trabalho da unidade, nos dias atuais, de acordo com ele, tem sido a ação do 37º BIL ao combate a covid-19, com o trabalho de “desinfecção de prédio, áreas e outros espaços públicos” em diversas cidades do Estado, como Bauru, Marília, São José do Rio Preto, Araçatuba e outras.
 
POLITICA
 
Capitão Neves também voltou a agradecer os votos que recebeu nas eleições municipais do ano passado. “Estamos como suplente esperando uma oportunidade para voltar e, caso não seja possível, vamos tentar em 2024 novamente e caso seja o desejo do cidadão, talvez possamos votar a ocupar o cargo de vereador. Obrigado aos 456 cidadãos e cidadãs que confiaram e reconheceram nosso trabalho e votaram em nós”, finalizou.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você acredita na lisura e integridade da urna eletrônica, e da Justiça Eleitoral (responsável pela manipulação da urna eletrônica)?

20.6%
14.7%
64.7%