21/07/2021 às 11h48min - Atualizada em 21/07/2021 às 11h48min

Produtor rural de 70 anos leva multa de R$ 7,8 mil por corte de árvores nativas em área de ranchos

Nilton Mendonça
Redação Cidade Real
Imagens cedidas pela Polícia Militar Ambiental
 
Policiais militares ambientais multaram, nesta terça-feira, 20/07, em mais de R$ 7,8 mil, um produtor rural estabelecido em um loteamento de ranchos em Rancharia.
 
Foi durante e a ‘Operação Corta Fogo’, quando uma equipe policial recebeu uma “denúncia decorrente de monitoramento de imagens via satélite”.
 
No referido loteamento a equipe constatou “a supressão de árvores nativas das espécies goiabeira, faveiro, macaúba e embaúba, em uma área de 1,43 hectares para a construção de residências (ranchos)”.
 
Segundo a Polícia Ambiental, contra o responsável pelo lote, um homem de 70 anos de idade, “foi lavrado um Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 7.865,00 por danificar vegetação nativa em estágio secundário inicial mediante desmatamento, sem a autorização da autoridade ambiental competente”.
 
Registro de ocorrência, como de praxe, encaminhada a Polícia Civil, por meio de ofício.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você acredita na lisura e integridade da urna eletrônica, e da Justiça Eleitoral (responsável pela manipulação da urna eletrônica)?

20.0%
14.3%
65.7%