27/09/2021 às 19h11min - Atualizada em 27/09/2021 às 19h38min

Mulher é esganada e agredida em via pública aos fundos da UPA

Santa Casa confirma que vítima é gestante, sofreu muitos ferimentos e chegou aos hospital 'muito confusa'

Da Redação
Print de vídeo do WhatsApp
 
Uma mulher cujos dados pessoais não tinham sido divulgados até as 19h10 desta segunda-feira, 27/09, foi agredida violentamente por um homem, na altura do Terminal Rodoviária Geraldo 600, aos fundos da UPA, nesta tarde.
 
A primeira informação de morte da vítima foi desmentida às 19h02 por uma fonte da Polícia Civil – na Central de Polícia Judiciária.
 
As primeiras informações quem davam conta de que a vítima, que na imagem acima aparece deitada no passeio público, teria sido esfaqueada, também foi desmentida pela Polícia Civil.
 
Na verdade, segundo a fonte do portal Cidade Real, ela sofreu uma esganadura, por parte de um suspeito que também não tinha tido seus dados pessoais revelados, mas foi detido instantes após o ocorrido na mesma região – zona Sul de Tupã.

GESTANTE

Segundo consta os primeiros socorros foram prestados por profissionais de Saúde que trabalham na UPA.

Uma fonte da Santa Casa informou que a mulher agredida responde pelo pré-nome de Érica, está gestante e deu entrada no Pronto Socorro 'bastante ferida e confusa'.

Até as 19h30 ela seguida no setor de emergência do hospital sendo avaliada pela equipe médica de plantão e sendo submetida a exames.
 
A qualquer momento outras informações.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você acredita na lisura e integridade da urna eletrônica, e da Justiça Eleitoral (responsável pela manipulação da urna eletrônica)?

20.6%
14.7%
64.7%