08/12/2021 às 11h06min - Atualizada em 08/12/2021 às 11h06min

PRESENTE DE 75 ANOS: Lar Santo Antônio recebe reconhecimento de Utilidade Pública estadual

Lei aprovada pela Assembleia Legislativa (Alesp) foi uma iniciativa do deputado Ricardo Madalena (PL), por indicação do então vereador Capitão Neves

Nilton Mendonça
Redação Cidade Real
Irmã Ivonete, atual presidente do Lar Santo Antônio, e Capitão Neves (Imagem de Arquivo)
 
Após 75 anos de relevantes e reconhecidos serviços de assistência, promoção social e educação a uma expressiva camada da comunidade de Tupã, a Associação Sul Brasileira de Educação e Assistência Social (ASBEAS), popularmente conhecida como Lar Santo Antônio, acaba de receber o reconhecimento de Utilidade Pública Estadual.
 
O ‘Autógrafo’ publicado recentemente pela Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado (Alesp), confirma aprovação de projeto de Lei, apresentado em 2020 pelo deputado estadual Ricardo Rossi Madalena (PL) proposto à época pelo vereador Gilberto Neves Cruz, o Capitão Neves, hoje suplente de vereador pelo PSD.
 
“Finalmente após mais de 70 anos o Lar Santo Antônio poderá ser reconhecido como Utilidade Pública... Mais um trabalho com êxito do ex-vereador Capitão Neves, que mesmo não estando parlamentar, continua trabalhando em prol ao cidadão tupãense. Agradecemos pelo esforço e empenho de toda assessoria do nobre deputado Ricardo Madalena, para conseguir mais uma vitória para o Lar Santo Antônio de Tupã”, postaram nas redes sociais representantes do Grupo de Voluntários do Lar Santo Antônio, do qual Capitão Neves é integrante.
 
De acordo com o comunicado recebido da assessoria de Ricardo Madalena, após a publicação no Diário Oficial, o governo tem 15 dias úteis para sancionar ou vetar a decisão do parlamento paulista.
 
PARA QUE SERVE?
 
A concessão do título de Utilidade Pública significa o reconhecimento do Poder Público, no caso estadual, de que a entidade é realmente sem fins lucrativos e presta serviços à coletividade.
 
Com esse reconhecimento, o Lar Santo Antônio estará apto a firmar convênios com os diversos órgãos do poder público paulista, entre eles por meio do recebimento das chamadas emendas parlamentares com destinação de recursos do Governo do Estado por parte de deputados estaduais, além de convênios e editais também de destinação de recursos do Orçamento Social e outros programas do Governo.
 
“Em toda minha vida – com profissional militar, como voluntário junto a várias entidades e como político eleito – nunca agi pensando em reconhecimento pessoal (já que, na minha visão, o resultado é uma obrigação de quem se coloca a qualquer serviço), mas me sinto sim honrado em tem contribuído para esse reconhecimento. Política de resultados que teve a importante participação do deputado Ricardo Madalena. Vejo, sobretudo, como um reconhecimento ao incomensurável serviço que essa instituição presta em Tupã há mais de sete décadas. Todos os méritos as Irmãs que dão sua vida a essa causa e a comunidade tupãense que é, por longos anos, a grande mantenedora do Lar. Nós apenas demos nossa contribuição, que sem dúvida haverá de ser importante para o Lar ser beneficiado – doravante – por meio de convênios e emendas parlamentares estaduais que certamente trarão mais recursos para a manutenção dessa joia rara do serviço social de Tupã que é o nosso Lar Santo Antônio”, comentou o autor da Indicação desse reconhecimento, ex-vereador, atual Suplente, Capitão Neves.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »