16/02/2022 às 07h01min - Atualizada em 16/02/2022 às 07h01min

Sem estrada e sem ponte desde as últimas chuvas, moradora cobra a Prefeitura

Mais de duas semanas após ultimo temporal, ao menos cinco famílias seguem impedidas de acessar seus sítios na região da 'Fazenda Vitamina'

Nilton Mendonça
Redação Cidade Real
Acima e abaixo, parte das Imagens postadas pela professora Silvia Bonomo nas redes sociais (Facebook)
 
“Alguém pode me ajudar? Desde a chuva passada estamos sem estrada e sem ponte. O encarregado da ponte não tem como chegar até ela, porque não tem estrada... Cinco sitiantes usam a estrada e três usam a ponte. Até quando hein?”.
 
Com estra postagem no Facebook, na manhã desta terça-feira, 15/02, a professora aposentada, Silvia Bonomo, denunciou o abandono aos moradores, por parte da Prefeitura de Herculândia.
 
Segundo ela, pela falta da ponte, destruída pelas chuvas do final de janeiro e começo de fevereiro e a precariedade da estrada, ao menos cinco famílias simplesmente não conseguem ter acesso às suas propriedades.
 
A ponte destruída, que aparece nas fotos acima e abaixo, postadas na rede social, fica na estrada além do bairro Água Boa, há cerca de 1,5 km da cidade
 
“Está assim desde a última chuva, estamos sem estrada e sem a ponte e desde do acontecido a Prefeitura foi informada... Está arrebentada assim porque fazem o serviço de qualquer jeito“, comentou a professora, ao ser procurada pelo Cidade Real.
 
ALTERNATIVA
 
Silvia disse que não sabe como seus vizinhos têm se virado para chegar e sair de suas propriedades, mas sua família usa uma passagem alternativa por outro sítio arrendado, através da vicinal de Juliânia.
 
Conforme a criadora de gado de corte, cinco proprietários da região da chamada Fazenda Vitamina, onde está a ponte danificada (dentro de seu sítio), fazem uso da estrada, sendo que três, dependem da ponte para o acesso ao perímetro urbano, pelo bairro Água Boa.
 
Até a postagem da cobrança, de acordo com Silvia, já passadas mais de duas semanas do último temporal, os responsáveis pelo serviço, na Prefeitura, apenas prometem, mas a solução não chega.
 
OUTRO LADO
 
Como regra do nosso trabalho, a presente reportagem foi encaminhada ao prefeito Paulo Sérgio de Oliveira, o Paulinho (PL) para manifestação.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você acredita na lisura e integridade da urna eletrônica, e da Justiça Eleitoral (responsável pela manipulação da urna eletrônica)?

22.2%
6.2%
71.6%