23/02/2022 às 15h10min - Atualizada em 23/02/2022 às 15h10min

Administração ignora pedidos da população e troca enfermeiras do PSF-III e Juliânia

Na prática a enfermeira Magali foi transferida para Juliânia e a enfermeira Silva, que teria pedido para deixar o distrito, está agora atendendo no PSF-3

Nilton Mendonça
Redação Cidade Real
Paulinho, Silmara e José Antônio: silêncio sobre motivação para troca das enfermeiras (Imagens do Facebook)
 
Quase duas semanas após receber moradores descontentes com a transferência da enfermeira Magali, do PSF-III, da rua 9 de Julho, a secretária de Saúde de Herculândia, Silmara Baquetti de Oliveira Silva, segue em silencio sobre a real motivação da mudança da profissional, que virou até abaixo assinado na internet e motivou o encontro (entre ela e representantes da comunidade), realizado na manhã do último dia 10/02, quinta-feira.
 
Procurada, no mesmo dia pelo Cidade Real, pelo WhatsApp, ela escreveu apenas: “Assim como em qualquer lugar empresa, setor público mudanças são realizadas comumente e foi muito importante e produtivo receber a população; estamos sempre à disposição para ouvi-los (com) sugestões e opiniões”.
 
Desde então Silmara Baquete tem ignorado todos os demais pedidos de informação da nossa redação, sobre a motivação que teria ocasionado a transferência de Magali, apesar de visualizar as pautas encaminhadas.
 
Além de Silmara, o prefeito Paulo Sérgio de Oliveira, o Paulinho (PP) também visualizou todas as mensagens encaminhadas pelo Cidade Real, desde as 13h51, da quarta-feira, dia 09/02, quando o manifesto de moradores contra a mudança foi para na plataforma www.peticaopublica.com.br, mas não deu nenhuma resposta.
 
Como uma terceira tentativa, o assessor de imprensa, José Antônio, também não responde às solicitações do Cidade Real. Aliás, ele não respondeu a nenhuma das solicitações feitas pela nossa reportagem, apesar de constar na folha de pagamento da Prefeitura como encarregado pelo serviço de comunicação.
 
Consultada virtualmente, a enfermeira Magali Mislaine Levado dos Santos, que foi tirada do PSF-III também preferiu não se manifestar
 
NA PRÁTICA
 
Nesta quarta-feira, 23/02, após consultar as lideranças dos protestos contra as mudanças das duas profissionais, a reportagem foi informada de que a troca das profissionais está concretizada, embora no dia 10, a secretária Silmara, tenha confirmado que a enfermeira Silvia ficara em Juliânia.
 
Na prática, segundo informado por Silmara a usuários da unidade de saúde local a enfermeira Silvia teria pedido para sair de Juliânia e acabou, por isso, sendo transferida para o PSF-III em troca com Magali.
 
NOTA DA REDAÇÃO
 
Ou seja, apesar de Silmara Baqueti declarar que foi “muito importante e produtivo receber a população”, as duas comunidades, de Juliânia e do PSF-III tiveram que engolir a decisão tomada de baixo para cima.
 
Em relação ao silêncio sobre os pedidos de informação encaminhados pela nossa redação, é bom lembrar tratar-se de assunto de interesse da comunidade.
 
Na prática, aliás fica claro que faz pouca diferença o que pensa ou deseja a comunidade de Herculândia.
 
E essa troca das enfermeiras, por razão ainda não explicada, aponta para duas suspeitas: perseguição ou retaliação política contra Magali ou para atender o pedido de Silvia, em deixar o distrito Juliânia.
 
Ou as duas coisas! Vai saber, se quem deveria ser transparente, se esconde atrás do poder da caneta que ostenta; poder dado justamente pela população!

Também é essencial lembrar que as duas comunidades estavam contentes com suas enfermeiras e lutaram pela permanências das mesmas. Com a palavra quem de direito!

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você acredita na lisura e integridade da urna eletrônica, e da Justiça Eleitoral (responsável pela manipulação da urna eletrônica)?

22.2%
6.2%
71.6%